Advogados são alvos de operação que investiga fraudes em aposentadorias para produtores rurais e causar prejuízo de mais de meio milhão

Compartilhar esta postagem

A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta terça-feira (11) três mandados de busca e apreensão em Alexânia, no Entorno do Distrito Federal (DF), durante operação que investiga dois advogados suspeitos de fraudar aposentadorias. A Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (CGINT) estima um prejuízo de mais de R$ 620 mil aos cofres públicos.

A PF explica que os investigados usavam documentos falsos em ações judiciais para conseguir a Aposentadoria por Idade Rural para pessoas que, na verdade, não preenchem os requisitos exigidos pela lei para obter o Benefício Previdenciário. Essas ações foram enviadas à Justiça Federal.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email