Estudante que ficou sem andar após rampa de festival de rap desabar vai passar por cirurgia de reconstrução craniana

Compartilhar esta postagem

A estudante Giovanna Salerno, de 20 anos, que ficou sem andar depois de cair da rampa que desabou durante o festibal de rap no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, vai passar por uma cirurgia de reconstrução craniana nesta segunda-feira (13).

“Com certeza após essa cirurgia os resultados das terapias que ela já está fazendo vão ser ainda melhores”, disse Tércio.

 

A cirurgia está prevista para acontecer no período da tarde, por volta das 17h, no Hospital Neurológico de Goiânia. Segundo o pai, a prótese a ser colocada é 3D e foi feita sob medida. Ele explicou que vai servir para substituir a parte da calota craniana que foi removida na craniotomia feita em Giovanna, ocasião em que removeram cerca de 12 cm de diâmetro de massa óssea para fazer a descompressão do cérebro dela após o acidente.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email