Homem mata ex-companheira, resiste à prisão e é morto pela PM

Compartilhar esta postagem

Um homem de 35 anos matou a ex-companheira na noite desta quinta-feira (24), na Estrutural, no Distrito Federal. De acordo com a Polícia Militar, ele ofereceu resistência à abordagem dos militares e impediu a entrada dos bombeiros na casa.

Esse é o 25º feminicídio registrado na capital em 2023. Quando chegaram, os policiais pediram que o suspeito largasse a faca, mas ele não obedeceu e enfrentou os militares. Em seguida, a Polícia Militar disparou contra o agressor.Apesar de ter sido atendida pelo Corpo de Bombeiros, a mulher de 50 anos não resistiu e morreu no local. Já o homem foi levado para o Hospital de Base, em Brasília, mas também não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo testemunhas informaram à Polícia Civil, o casal discutia frequentemente. O caso foi registrado na Delegacia Especial de Atendimento a Mulher (Deam) I, na Asa Sul, em Brasília.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email