Mãe e padrasto são presos suspeitos de torturar bebê de 1 ano

Compartilhar esta postagem

A mãe e o padrasto de um bebê de 1 ano foram presos suspeitos de torturá-lo em Quirinópolis, no sudoeste de Goiás. Segundo a Polícia Civil, a prisão ocorreu após o casal levar a criança a um hospital, alegando que ele se machucou ao cair enquanto brincava.

A equipe médica do hospital da cidade identificou várias marcas como queimaduras de cigarro, mordidas, unhas das mãos roxas e sem as unhas dos pés, além de hematomas na cabeça, na segunda-feira (8). Funcionários acionaram a polícia e o casal, que não teve o nome divulgado, foi preso em flagrante.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email