Namorado é condenado a mais de 20 anos de prisão por matar diarista e esconder corpo dentro de cisterna

Compartilhar esta postagem

Joaquim Francisco Bispo Filho foi condenado a 20 anos e 9 meses de prisão em regime fechado por matar a namorada Luiza Helena Pereira. A sentença foi deferida por júri popular, nesta quinta-feira (5). O crime aconteceu em 2022 e, na época, o homem confessou que matou a mulher durante uma discussão por ciúmes. Ele escondeu o corpo da vítima em uma cisterna em Cristianópolis, no sudeste de Goiás.

A sentença também condenou Joaquim a pagar R$ 50 mil a cada um dos três filhos da vítima, a título de danos morais. O júri considerou que, por conta do crime, o homem deixou os órfãos “desprovidos de afeto maternal e auxílio material”.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email