Operação mira empresas suspeitas de aplicar golpes com falsos prêmios de capitalização divulgados por influenciadores em Goiás

Compartilhar esta postagem

A Polícia Civil de Anápolis, a 55 km de Goiânia, cumpre na manhã desta segunda-feira (8), nove mandados de prisão, além de outros 13 mandados de busca e apreensão contra suspeitos de estelionato por meio de empresas que usavam de parcerias com digitais influencers para venda de títulos. O valor de R$ 27 milhões deve ser apreendido pela polícia.

Os relatos da investigação apontam que o grupo criminoso operava um esquema de estelionato e lavagem de dinheiro usando empresas de capitalização. Apontam ainda que as empresas fechavam parcerias com digitais influencers para vender os títulos, que não eram premiados. Ainda não há se os influencers são suspeitos ou não do crime.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email