Polícia Civil de Goiás realiza a Operação ‘Selo de Thanatos’ em caso de latrocínio em Formosa

Compartilhar esta postagem

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios de Formosa, conduziu a Operação “Selo de Thanatos” nos dias 11 e 12 de abril, com o objetivo de esclarecer o caso de latrocínio envolvendo Tales Alves da Pena.

Tales desapareceu em dezembro de 2023, após sair para o trabalho. Sua família registrou um boletim de desaparecimento, e as investigações começaram na 2ª Delegacia Distrital de Polícia. Posteriormente, o caso foi encaminhado ao GIH de Formosa, que conseguiu localizar o celular da vítima.

Após intenso trabalho investigativo, um dos suspeitos foi preso no Distrito de Marajó, em Cristalina, com o apoio da papiloscopia. Ele levou a polícia até os restos mortais de Tales, que aparentemente foi queimado e enterrado na zona rural.

O segundo suspeito se apresentou na delegacia no dia seguinte, e material genético do pai de Tales foi coletado para confirmação da identidade da vítima por meio de prova técnica (DNA). Os suspeitos estão sob custódia à disposição da justiça.

A Polícia Civil expressa condolências à família de Tales neste momento difícil. O nome “Selo de Thanatos” representa o encerramento da incerteza sobre o que aconteceu com Tales, proporcionando algum alívio aos seus entes queridos.

Este caso demonstra o compromisso da Polícia Civil em investigar e proteger a comunidade, buscando justiça para as vítimas e suas famílias.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email