Homem esfaqueia ex-companheira e se finge de morto para não ser preso

Compartilhar esta postagem

Wilton Cunha da Silva foi preso suspeito de esfaquear a ex-companheira, de 41 anos, durante uma briga em Goiânia. Segundo relatos dos policiais militares, o autor estava deitado ao lado da mulher ensanguentada e fingiu estar morto para não ser detido.

O caso aconteceu na noite do último domingo (29) e a mulher foi encaminhada ao Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol). Segundo a PM, o Serviço Médico de Resgate constatou que o autor não estava morto.

“A mulher com as perfurações e o camarada alegando estar ruim […] ele estava só tentando ludibriar a equipe”, explicou um dos PMs que atendeu a ocorrência.

 

Em nota, o Hugol informou que a paciente está internada na UTI da unidade, possui estado geral grave e respira com ajuda de aparelhos.

A Defensoria Pública do Estado de Goiás realizou a audiência de custódia do acusado, na tarde desta segunda-feira (30), garantindo-lhe acesso integral e gratuito à justiça. No entanto, não comentará sobre o caso.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email