Ativista social e filhas que morreram em acidente na BR-020 estavam em viagem de férias

Compartilhar esta postagem

A ativista social e as duas filhas, que morreram em um acidente em Flores de Goiás, no nordeste goiano, estavam em uma viagem de férias. Segundo o amigo da família das vítimas, Henrique Aragão, elas saíram de Brasília, no Distrito Federal (DF), e iriam para o Pará, onde passariam as férias.

Rosita Watkins era namorada do ex-presidente da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), Sydney Possuelo. Ela e as duas filhas, Karla e Michelle, morreram na terça-feira (5) após o carro em que elas estavam bater contra um caminhão em um trecho da BR-020, em Flores de Goiás.

Facebook Comments Box
Please follow and like us:
Pin Share

Mais para explorar

A informação ao alcance do seu like. Nordeste e leste goiano.

Compartilhe

Sobre

Links principais

RSS
Follow by Email